29 de novembro de 2009

Aventura Solitária

A Leitura me remete a uma aventura, invariavelmente, solitária, 'a priori'.
Seus frutos, posteriormente, regozijo-me em compartilhá-los com meus amigos.
Por vezes, me vejo hibernando em uma viagem imensamensamente prazeroza, mas de consequências imprevisíveis.
Por essas razões, é que muitas vezes, nós, leitores compulsivos, somos confundidos com pessoas egoístas,arrogantes, distantes e anti-sociais.
Na verdade, se me abandonarem à sorte de um livro, eu agradeceria imensamente. Jamais me ofenderia...
Quantas vezes minhas amigas se afastaram de mim. Quantas vezes fui vítima de conchavos e armações no trabalho, por me acharem 'metida', somente porque a conversa usual não me atrai...
Mas, costumo respeitar as pessoas, até o momento em que me respeitam.
A partir do instante em que percebo uma  hostilidade, tenho muita dificuldade em exercer a tolerância e por isso, frequento a igreja.
 Lá, encontro a paz, a solidariedade e o apoio mútuo que me comovem, profundamente.
Agradeço a Deus, constante e humildemente, por dar-me uma chance a cada dia.
Chegou a hora de arrumar-me para ir à Igreja. Um beijo meus amados!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é valioso para mim.
Muito obrigada!

O Mundo é seguro.

Talvez essa seja a principal competência e desafio:  olhar o mundo com afeto,  respeito, compaixão ,  suavidade.   Somente dessa fo...