Páginas

21 de janeiro de 2016

Reeducação Alimentar para fazer um ano novo de verdade!

Ano novo, vida nova! Iniciei a reeducação alimentar há duas semanas. Retornei para a academia e continuo a praticar ciclismo. Já se foram 2 kilos. Fui à endocrinologista, Dra. Bianca Paraguassu, mas também baixei o aplicativo Dieta e Saúde, que tem várias sugestões de cardápio. Mas é aquela velha história: diminuir as porções; fazer escolhas saudáveis, mais legumes, verduras e saladas, menos pão, arroz, refrigerante e doces. Quando vou à um restaurante, escolho uma porção de carne com saladas e para beber, água com gás com limão. Um dia de cada vez! Vou contando as novidades!

Pela manhã é sempre uma fatia de pão integral 7 Grãos, café com leite desnatado e um iogurte ligth ou uma fruta.


Depois academia, musculação etc.


Meu almoço com 2 colheres (de sopa) de arroz integral, uma porção de carne e duas colheres de moranga ou outro legume, folhas verdes, tomate.


Final de tarde, bike! Meu vício do bem há mais de quinze anos!


À noite um caldo de abóbora (batida no liquidificador com água) e ervilhas.
Um dia de cada vez...

13 de outubro de 2015

É preciso ir embora

É preciso ir embora.
Ir embora é importante para que você entenda que você não é tão importante assim,  que a vida segue, com ou sem você por perto. Pessoas nascem, morrem, casam, separam e resolvem os problemas que antes você acreditava só você resolver. É chocante e libertador – ninguém precisa de você pra seguir vivendo. Nem sua mãe, nem seu pai, nem seu ex-patrão, nem sua pegada, nem ninguém. Parece besteira, mas a maioria de nós tem uma noção bem distorcida da importância do próprio umbigo – novidade para quem sofre deste mal: ninguém é insubstituível ou imprescindível. Lide com isso.
É preciso ir embora.
Ir embora é importante para que você veja que você é muito importante sim! Seja por 2 minutos, seja por 2 anos, quem sente sua falta não sente menos ou mais porque você foi embora – apenas sente por mais tempo! O sentimento não muda. Algumas pessoas nunca vão esquecer do seu aniversario, você estando aqui ou na Austrália. Esse papo de “que saudades de você, vamos nos ver uma hora” é politicagem. Quem sente sua falta vai sempre sentir e agir. E não se preocupe, pois o filtro é natural. Vai ter sempre aquele seleto e especial grupo  que vai terminar a frase “Que saudade de você…”com  “por isso tô te mandando esse áudio”;  ou “porque tá tocando a nossa música” ou “então comprei uma passagem” ou ainda “desce agora que tô passando aí”.
Então vá embora. Vá embora do trabalho que te atormenta. Daquela relação que você sabe não vai dar certo. Vá embora “da galera” que está presente quando convém.  Vá embora da casa dos teus pais. Do teu país. Da sala. Vá embora. Por minutos, por anos ou pra vida. Se ausente, nem que seja pra encontrar com você mesmo. Quanto voltar – e se voltar – vai ver as coisas de outra perspectiva, lá de cima do avião.
As desculpas e pré-ocupações sempre vão existir.  Basta você decidir encarar as mesmas como elas realmente são – do tamanho de formigas.
(Antônia do Divã)

24 de setembro de 2015

3ª Temporada de Exposições 2015 do MARCO-MS



MARCO, Museu de Arte Contemporânea de Mato Grosso do Sul, inaugura a 3ª Temporada de Exposições 2015 com mostra da Artista Angela Miracema “Mural dos Sonhos ou Emergência dos Desejos", terça-feira, (29/09), às 19h30.



21 de setembro de 2015

Primavera


Ser Feliz Custa Pouco

É o que sempre digo: ser feliz custa muito pouco! Basta querer. 
Andando de bike na Orla Morena, encontrei essa Galera do Patins. 
Todo sábado de 9h às 11h, se reúnem para andar de patins, sob a coordenação do Hudson (instrutor). 
Ainda tem encontros na praça na rua 14 de julho com Euler, às quartas, 19h. Adorei. Um astral muito legal. Resolvi levar minha filha e perguntei: quanto custa? 
E me responderam: - não custa nada...  
Campo Grande tem coisas incríveis, que eu nem imaginava. #custaPoucoSerFeliz !


16 de março de 2015

Estão abertas as inscrições para Oficina de Mosaico gratuita da Fundac

Estão abertas as inscrições para oficina de arte em mosaico para iniciantes, da Fundac (Fundação Municipal de Cultura). O curso é gratuito e usa materiais recicláveis para a sua composição.
O objetivo do curso é divulgar, ensinar a técnica milenar da arte do mosaico que decora e reveste de forma artística, paredes, vasos, espelhos e objetos de decoração.
Além disso, novas possibilidades de reciclagem e arte ecologicamente correta, utilizando material descartado em construções e reformas são agregados à técnica.
Serviço:
Local: Plataforma Cultural – Av. Calógeras esquina com Av. Mato Grosso.
Informações pelo telefone – 3314-4630 e 9222-3279.

Eu e minha irmã Valéria, festando claro!

Eu e minha irmã Valéria, festando claro!
Ocorreu um erro neste gadget